2 1 - NOTA DE REPÚDIO

NOTA DE REPÚDIO

politica20181123 2 - NOTA DE REPÚDIO

A vereadora Luciana Novaes, por meio desta nota, torna público seu repúdio à forma covarde com que os Policiais Militares, tentaram dispersar a manifestação pacífica, ocorrida na tarde na última quinta-feira (18), em frente à prefeitura do Rio.

Os Servidores da Saúde protestavam contra os salários atrasados e as péssimas condições dos equipamentos da rede pública de saúde municipal.

E, durante sua fala no carro de som, a vereadora foi interrompida pelos jatos de spray de pimenta lançados pela polícia militar em sua direção e dos demais manifestantes. Ela precisou ser retirada às pressas devido ao despreparo e truculência da PM.

A constituição federal de 1988, assegura o direito à liberdade de expressão e a livre manifestação. No entanto, vimos o governo Crivella se utilizar da polícia para tentar calar os questionamentos da população carioca. E a polícia, que deveria atuar para o cumprimento da lei, fez o papel de violadora dela, oprimindo os trabalhadores que buscavam apenas seus direitos, usando  a justificativa de garantir o direito “de ir e vir”, quando na verdade, os manifestantes haviam acatado o pedido de abertura de uma das pistas.

Enquanto o pagamento dos profissionais da saúde e dos demais servidores não for prioridade deste governo, continuaremos nas ruas, cobrando. Esta não é uma luta apenas dos profissionais que estão com seus salários atrasados, mas de todo o povo carioca!

Precisamos nos unir. Por nenhum direito a menos!

Comentários