Nota de Repúdio da Comissão Executiva Estadual do Partido dos Trabalhadores do Rio de Janeiro.

Nota Oficial da Comissão Executiva Estadual sobre o despejo de famílias em Campos dos Goytacazes.
21/04/2021
NOTA DE SOLIDARIEDADE AO COMPANHEIRO ALESSANDRO DE SOUZA TRINDADE e repúdio à decisão da diretoria da PETROBRÁS
09/06/2021

Hoje, a Secretaria de Segurança do Estado promoveu uma das maiores chacinas deste século. A suposta operação policial, desautorizada pelo Supremo Tribunal Federal, instaurou um estado de sítio na Favela do Jacarezinho. Até o término desta nota já tinham sido 25 mortos.

Os helicópteros da polícia ainda rondam a comunidade, fazendo dos moradores da favela alvos de qualquer investida do caveirão voador. Estamos em meio a maior pandemia da história do Brasil e desde o início em março de 2020 são feitas denúncias das operações policiais nas favelas. Nada foi feito! As operações seguem deixando corpos negros e favelados tombados, alastrando o rastros de dor e sangue do povo periférico de nosso Estado.

Repudiamos a guerra financiada pelo poder público, repudiamos a criminalização do povo favelado. O Estado é responsável pelas mortes de mais inocentes do que podemos contar. O Estado é responsável pela Chacina da Favela do Jacarezinho.

Walmyr Junior, Coordenador do Setorial de DH.

João Maurício, Presidente Estadual do PT-RJ.

Comissão Executiva Estadual do Partido dos Trabalhadores do Rio de Janeiro.

Os comentários estão encerrados.