5 - A polêmica sobre a nota executiva do PT - Val Carvalho

A polêmica sobre a nota executiva do PT – Val Carvalho

A POLÊMICA SOBRE A NOTA DA EXECUTIVA DO PT. Ao contrário de muitos, estou entre os que consideram a Nota da Executiva do PT sobre o caso Aécio como um avanço tático do partido e manifestação de maturidade política. Explico.

Latuff - A polêmica sobre a nota executiva do PT - Val Carvalho

Avanço tático porque saímos da indignação ou da simples denúncia para a interlocução real com todos os que se sentem perseguidos pelo Estado de Exceção que convive no interior de um regime ainda constitucional. O PT tem de ser o farol da luta pelo Estado democrático de direito e não se deixar levar pela raiva impotente provocada por sua derrota no golpe do impeachment.

Aécio foi um dos principais responsáveis pelo golpe e agora paga na mesma moeda. Mas ele é condenado por métodos inconstitucionais e não podemos aceitar isso apenas para agradar nosso espirito de vingança. Quando essa mesma máquina golpista da justiça nos atinge, acusamos a injustiça. Por isso não podemos aplaudir quando o mesmo ocorre com outro, mesmo que esse outro seja um Aécio.

Seria como uma pessoa aplaudir o linchamento de um ladrão, fazendo a moral substituir o direito, como disse Fernando Brito, do Tijolaço. Mas não podíamos ficar sem fazer nada contra Aécio. E o PT fez, ao pedir em seguida a Comissão de Ética, que é uma medida prevista no regimento do Senado e de acordo com as regras constitucionais.

O PT agiu com maturidade e acerto tático, sem perder o foco no principal: para a conquista do Estado democrático de direito será necessário atrair todos os insatisfeitos com o golpe. Temos de combinar essa tática de frente ampla com a continuidade das Caravanas de Lula por Minas e outros estados do Sudeste e do Sul. Frente ampla com base popular mobilizada, eis a “fórmula mágica” da reconquista da democracia.

Comentários